Maria João de Oliveira Pires Pais do Amaral

Maria João de Oliveira Pires Pais do Amaral é licenciada em Línguas e Literaturas Modernas/ Estudos Portugueses e Franceses pela Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa e Mestre em Literatura Portuguesa pela mesma Universidade. 

Lecionou Literatura Francesa (séculos XVIII a XX) e Literatura Portuguesa (séculos XV a XVII) na Faculdade de Letras de Lisboa, onde ministrou cursos livres e ações de formação de professores. Ensinou Português Língua Materna na Escola Superior de Educação de Santarém e, desde 2005, exerce funções docentes no Departamento de Português da Universidade Hankuk de Estudos Estrangeiros, em Seul, onde é Assistant Professor e docente do Camões, Instituto da Cooperação e da Língua. 

É autora de estudos sobre o teatro de Gil Vicente, o sermonário do Padre António Vieira, a novelística de Camilo Castelo Branco e a obra de Maria Judite de Carvalho.  Da sua atividade de investigação na área da Literatura Portuguesa, em grande parte desenvolvida no âmbito do CLEPUL, que integra desde 1988, têm resultado também participações em congressos e colóquios nacionais e internacionais. 
 
Desde sempre interessada nas questões de género e nas relações entre Literatura e Artes Visuais, a sua pesquisa nestes domínios tem-se, nos últimos anos, alargado ao conto português e à narrativa breve em geral (crónica, micro-conto...) dos séculos XX e XXI.