Ana Paula de Castro Bernardo

Ana Paula Bernardo é Investigadora do CLEPUL (Centro de Literaturas e Culturas Lusófonas e Europeias da Faculdade de Letras da Universidade de Lisboa), com especial colaboração no Grupo 2 - Culturas e Literaturas Africanas de Língua Portuguesa, sendo membro da equipa do campo de investigação Literatura e Pedagogia. Neste âmbito tem apresentado comunicações em Colóquios Internacionais, das quais destacamos, “Na rota das especiarias ou uma “viagem por mares [já] dantes navegados”’ in Colóquio Internacional das Literaturas de Língua Portuguesa para Crianças e Jovens, FLUL, outubro de 2011, Lisboa, CLEPUL, 2012, pp. 257-270, ou “O Menino Grapiúna: universo da infância, imaginação e memória, formação e identidade” in Colóquio Internacional 100 anos de Jorge Amado: O Escritor, Portugal e o Neorrealismo, FLUL, novembro de 2012, Lisboa, CLEPUL, 2013, texto aceite para publicação. Paralelamente, desenvolve, há vários anos, trabalhos de investigação sobre a vida e obra de Alda Lara. Além do estudo da sua  poesia, tem tido a preocupação de resgatar marcas da presença desta escritora angolana na imprensa periódica em Portugal e Angola. Tem trabalhos publicados sobre a autora dos quais destacamos, “Em torno da poética de Alda Lara”, in Vozes de Cabo-Verde e de Angola, quatro percursos literários, Lisboa, CLEPUL, 2010, pp.165-213 ou “Alda Lara e a imprensa do seu tempo”, in I Encontro Luso-Afro-Brasileiro: As mulheres e a imprensa periódica, FLUL, julho de 2011, Lisboa, CLEPUL, 2013, pp. 44-60. Em “Visões do feminino: iridescências na poesia africana de língua portuguesa”, in Ciências & Letras nº 53, jan./jun. de 2013, Porto Alegre, pp.75-94, Alda Lara faz parte do núcleo de poetas selecionados. No âmbito do trabalho de investigação sobre imprensa periódica, apresentou ainda a comunicação “Lília da Fonseca: a mulher e a época”, in II Encontro Luso-Afro-Brasileiro: As mulheres e a imprensa periódica, FLUL, julho de 2013, Lisboa, texto aceite para publicação. Atualmente, é colaboradora do Cultura, Jornal Angolano de Artes e Letras, na secção de Letras.