Ana Maria Fraústo Diogo Correia Paiva Morão

Ana Maria Fraústo Diogo Correia Paiva Morão é doutorada em Literatura Oral e Tradicional, pela Universidade de Lisboa, possuindo também os Cursos de Assessoria de Administração do ISLA, Curso Livre de Literatura Galega e Curso Ambiente na Literatura Tradicional e Oral Portuguesa. É investigadora no CLEPUL/Pólo CTPP (Centro de Tradições Populares Portuguesas Professor Manuel Viegas Guerreiro) da Faculdade de Letras, Universidade de Lisboa. No CTPP integrou os projetos Conhecimento Popular na Lusofonia - práticas e representações e Literatura Oral/Tradicional - sistematização, classificação e edição de um corpus português e foi Bolseira do Projecto de I&D Arquivo Digital de Literatura Oral Tradicional (ADLOT) (PTDC/CLE-LLI/104023/2008) - Sistematização, digitalização e classificação das composições orais reunidas no corpus das Novas Recolhas, do CTPP, Universidade de Lisboa, financiado por fundos nacionais através da FCT/MCTES (PIDDAC).

Foi docente dos módulos “Modo Lírico” e “Romanceiro”, na unidade curricular Literatura Oral Tradicional Portuguesa do Curso de Pós-Graduação em Património Cultural Imaterial organizado pela Universidade Lusófona. 

Apresentou as comunicações A Literatura Oral Tradicional, “um seixo rolado pela água”, nas Jornadas para a Salvaguarda do Património Cultural Imaterial do Médio Tejo, em Constância; participou ainda no Projeto Adlot, no Workshop Arquivo Digital da Literatura Oral Tradicional: um contributo para o conhecimento do Património Cultural Imaterial, na Universidade de Lisboa. Apresentou, também, O Caminho de Santiago e o Romanceiro Oral Tradicional, no ciclo de palestras sobre o Caminho de Santiago, organizado por Via Lusitana-Associação de Peregrinos, em colaboração com o Turismo de Espanha; Um discurso significante sobre o incesto na Literatura Oral e Tradicional (Silvana e Delgadinha), no Colóquio Internacional Memória e Sabedoria, organizado pelo Centro de Estudos Comparatistas, na Universidade de Lisboa; Literatura Oral e Tradicional: uma experiência de recolha e classificação, Explícito/Implícito na língua do Romanceiro e Santorinho e Halloween: uma substituição ou aspectos diferentes da mesma tradição?, em Jornadas do CTPP. 

Organizou os workshops de Metodologias e problemas de recolhas de Literatura Oral e Tradicional, em Montalvão, e Questões de teoria e prática nas recolhas de Literatura Oral e Tradicional, em Alcochete; realizou o Projecto Montalvão. Um Povo, uma História, muitas Memórias, composto por uma Mostra Etnográfica sobre a pastorícia em Montalvão e pela publicação de livro com DVD; organizou as exposições Mantos de Nossa Senhora dos Remédios, Os combatentes da freguesia de Montalvão na 1ª Grande Guerra e O acolhimento de crianças austríacas no pós-guerra; e preparou o ciclo de conferências e concertos no âmbito das comemorações dos 500 anos do foral manuelino a Montalvão. Promoveu ainda a celebração de acordos de cooperação entre o CTPP e o Município de Nisa, bem como com associações culturais, como a Associação de Peregrinos Via Lusitana e a Associação cultural de Montalvão Vamos à Vila. Tem realizado trabalhos de recolha e investigação de LOT e de práticas da tradição, nomeadamente na Beira e Alentejo. É Membro fundador da Associação Cultural de Montalvão “Vamos à Vila”, da Associação de Peregrinos Via Lusitana e da Associação Portuguesa para a Salvaguarda do Património Cultural Imaterial.


Algumas Publicações:

2011. “Um discurso significante sobre o incesto na Literatura Oral e Tradicional (Silvana e Delgadinha)” em AAVV, Memória & Sabedoria, Centro de Estudos Clássicos, Centro de Estudos Comparatistas, Edições Húmus, pp. 471-482; 

2010. A Pastorícia em Montalvão. Um Património do Passado para um Futuro (livro e DVD), Lisboa, Apenas Livros, 2010; 

2009. Cantigas de Romaria. As vozes dos homens pelos caminhos de Deus, Lisboa, Apenas Livros, 2009.